O Verdadeiro Dub Style

Written By nyit on Tuesday, April 5, 2011 | 2:43 PM



























Depois do lançamento do filme “Velozes e Furiosos” (2001), que retratou com detalhes a cultura americana de modificação dos carros com acessórios ornamentais, pinturas multicoloridas, suspensões à ar e vários outros itens que davam ao carro características exclusivas, houve uma fusão entre o Tuning e as caracteristicas do DUB style. Por esse motivo, há uma confusão em concluir que o DUB é proveniente do Tuning, porém, ambas as tendências surgiram em épocas, países e com diferentes objetivos.


Veja a Matéria Completa..

 Muito se fala em DUB atualmente! Essa tendência nascida no berço (rico) negro das cidades Norte-Americanas, vem ganhando a cada dia mais adeptos, fãs e entusiastas. Muitos acreditam que o termo surgiu do estilo de vida dos negros que enriqueceram e passaram a ostentar riqueza com grandes cordões, colares, medalhões e jóias caríssimas.

Basicamente, o DUB prega a personalização de veículos de grande porte com rodas cromadas acima de 20 polegadas, suspensão alta ou extremamente baixa, com pequenas alterações externas (original ou que aparente original) e com um som de qualidade em seu interior. Não é obrigatório ser rebaixado, há casos de veículos mais altos que os originais.

Características DUB Style (americano):
• Preza pela originalidade;
• Grandes carros de luxo;
• Rodas acima de 20 polegadas que variam de cromadas, pretas ou pratas;
• Sem modificações externas, salvo a personalização de algumas peças originais (detalhes de maçanetas ou grades cromadas, preto fosco ou na cor da carroceria);
• Não são adotados adesivos decorativos;
• A suspensão pode ser original ou de regulagem automática de altura;
• Som interno com multimídia TOP de linha;
• Bancos em couro ou tecido - o requinte é prioridade;
• Ausência de instrumentos, como conta giros ou manômetros adaptados.




DUB Style BRASIL



120

A palavra DUB surgiu no vocabulário brasileiro somente em 2005, entretanto sua adaptação iniciou-se confusa, pois diversos carros ditos “populares” e outros sem nenhum apelo ao luxo, com rodas 15, 16 e 17, com instrumentação adaptada em cima do painel ou coluna, com bancos esportivos, com pinturas chamativas e usando body kits completos, ostentavam equivocadamente o adesivo DUB se referindo a uma versão mais leve do tuning.

No Brasil, ainda existem poucos carros que seguem a linha DUB à risca. Somente com o amadurecimento do mercado nacional (2006), rodas com aros acima de 18 polegadas chegaram às lojas especializadas e, inicialmente, passaram a circular em carros da elite brasileira. Entretanto, com o crescimento deste segmento de mercado (roda e pneu) os produtos tornaram-se mais acessíveis e hoje, a classe média também passou a ter a possibilidade de aderir a este novo estilo de personalizar carros





FONTE: Reis do Asfalto

No comments:

Post a Comment

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...